terça-feira, fevereiro 22, 2005

miragem

Era uma vez uma pétala
ou um mar
ou nada
O princípio, queria dizer
O princípio

Era uma vez um calor que transbordou

Ilha, pedra, canto
e um rio em flor dentro de casa
Um dia de azul              miragem

Era uma vez
era uma
depois mil
         de uma vez

10 comentários:

AmigaTeatro disse...

É sempre tão delicioso vir aos degraus,
É tudo tão bem trabalhado, a imagem, as palavras , aqueles “toques” mais pessoais…

E é sempre tão agradável ler-te…
Gostei :)*

lena disse...

minha pequenita ;)*

Elvira disse...

Obrigada por esta bela pausa.

lena disse...

(eu tava à espera de bebé quando escrevi este ;)*

id disse...

olá. parabéns pela escadaria. se puderes passa pelo meu. bj

Carla disse...

Laura, fico enternecida quando te leio. São normalmente pensamentos curtos, mas tão profundos, poéticos e deliciosos! E depois vais alternando com as fotos belíssimas dos teus gatos e é todo o conjunto que torna este cantinho imprescindível. Por vezes venho reler alguns textos, quase todos me cabem no colo :) Adorei a pintura de Gustav Klimt ali ao lado, é linda :) Beijo grande :)

lena disse...

"quase todos me cabem no colo"!
carlinha :))***


id, não sei como, sem morada...
:)

Menina_marota disse...

que doçura... :-)

id disse...

oops, aqui fica.

http://estoriasdeembalar.blogspot.com/

bj

lena disse...

;)