quinta-feira, dezembro 23, 2004

Ó véspera do prodígio!

Creio nos anjos que andam pelo mundo,
Creio na deusa com olhos de diamantes,
Creio em amores lunares com piano ao fundo,
Creio nas lendas, nas fadas, nos atlantes,

Creio num engenho que falta mais fecundo
De harmonizar as partes dissonantes,
Creio que tudo é eterno num segundo,
Creio num céu futuro que houve dantes,

Creio nos deuses de um astral mais puro,
Na flor humilde que se encosta ao muro,
Creio na carne que enfeitiça o além,

Creio no incrível, nas coisas assombrosas,
Na ocupação do mundo pelas rosas,
Creio que o Amor tem asas de ouro. Ámen.


Natália Correia
Sonetos Românticos

11 comentários:

chOURIÇO disse...

Que forte!

Até me cansou fisicamente o esforço de o ler.

Que força!

:)

lena disse...

maravilhosa deusa que tive a sorte de amar em vida!
;)*

Draco disse...

É o primeiro poema da Natália Correia que leio.
Obrigado por mo mostrares. É muito bonito.
Eu também creio em todas essas coisas belas.
Se não, não valia a pena...

Madalena Pestana disse...

"Creio que o Amor tem asas de ouro. Ámen."

Feliz Natal!

Bjs. :)

LolaViola disse...

Um Natal doce para ti. Um beijinho

Papo-seco disse...

Ámen.

FELIZ NATAL.

Idem "pós" gatos

:)

lena disse...

*;)

g2 disse...

Feliz Natal, laurinha. Com muita saúde, primeiro que tudo.

LolaViola disse...

É tempo de renovação, este o do natal. Termina hoje um projecto onde te conheci aqui na net. Mal sabia eu que já te adorava antes. Mas as cartas que escreveste, aproximaram-me da tua alma. Obrigada. Gostava que visses o último post.
http://bloguecartas.blogspot.com/

Tiago Torres da Silva disse...

é engraçado colocares este soneto da Natália que não morria de amores por mim. E ér engraçado porque ele acaba de ser gravado pela Anamar no disco Transfado, noa música do Fado Súplica.
Parabéns pela escolha. o poema é fabuloso.
ah, e aproveito para te desejar um feliz natal e que 2005 sirva para concretizares os teus sonhos e, já agora, que os mecenasa apareçam
um beijo

floreca disse...

Laurinha, apesar de já te ter desejado um Feliz Natal ali ao lado, vim aqui voltar a fazê-lo. Um beijo grande :-)